Como Perder o Medo de Falar Para a Câmera

Olá, meu nome é Bruno Ávila. Eu sou especialista em criação de negócios a partir da história de vida das pessoas. Isso mesmo, eu pego a sua história e transformo em um negócio lucrativo, de sucesso. É isso o que eu faço. E nesse post, eu vou falar sobre o medo de aparecer na câmera.

Eu imagino que você tem esse medo, por isso que você está aqui. Eu mesmo há tantos anos criando vídeos, eu também tenho uma enorme dificuldade de fazer vídeo. Mesmo desde 2005 fazendo vídeo aqui na internet. Por que?

Porque essa primeira linha, esse primeiro minuto, que eu chamo de primeira linha da redação, é a mais difícil. Você já deve ter feito provas de colégio, claro, e você, naquela prova de redação, não sei se você lembra, a parte mais difícil era a primeira linha. Não era? Então, para mim é muito difícil também.

Para você ter uma ideia, tem vídeos meus aqui no YouTube que eu gravei centenas de vezes o primeiro minuto para que eu achasse legal. “Pô, legal, agora o vídeo está bom.” Mesmo tanto tempo gravando vídeo.

Eu faço questão de falar isso porque como eu já tenho muita experiência, a pessoa pode chegar e pensar assim: “Ah, Bruno, você não tem medo de vídeo porque você já faz há muito tempo, então você não tem medo de aparecer”. Mas não é bem assim.

Sempre que eu vou gravar um vídeo, eu fico sozinho falando para uma câmera. Então, é muito estranho, mesmo depois de tanto tempo. Então, o que acontece? Quando você vai fazendo muitos vídeos, você vai melhorando, claro, à medida que você repete aquilo.

Agora, o interessante é que você só vai chegar num nível muito bom de gravação, de você ligar uma câmera e gravar, depois de você começar a gravar os seus primeiros vídeos. Não tem jeito.

Deixa eu falar o porquê eu fiz esse post. Há duas semanas, eu mandei um e-mail para a minha base de seguidores perguntando o seguinte: “Por que que você ainda não é NOTÁVEL? O que te impede de SER NOTÁVEL?”

Se você não sabe desse meu projeto, o SER NOTÁVEL é você aparecer na internet, nas redes sociais, seja no Instagram, no YouTube, no Facebook, enfim, usar as redes sociais para aparecer e mostrar, a partir das redes, a sua história.

Uma vez que você conta a sua história, conta os seus gostos, as suas histórias não só profissionais, mas a sua história de vida em relação a um determinado assunto, a um amor que você tenha a um determinado assunto.

À medida que você fala sobre isso, expõe isso, as pessoas vão te vendo como especialista e a partir daí, você consegue criar negócios. Esses negócios podem ser um comércio eletrônico, pode ser um curso online, pode ser merchandising, pode ser propaganda, palestras. Atendimento de consultório, caso você seja médico. Ou de coach.

Então, existem inúmeras formas de você criar negócios e ganhar dinheiro a partir disso, usando a sua história de vida. E eu resumo tudo isso nesse nome, SER NOTÁVEL!

Quando eu cheguei para os meus seguidores e falei: “Cara, o que que te impede de SER NOTÁVEL? Ou seja, o que impede você de mostrar sua história, aqui nas redes sociais? O que que tá pegando aí pra você não tá ainda aqui, já que eu falo tanto tempo sobre esse assunto?”

87% das pessoas disseram que o que as impediam de serem NOTÁVEIS, de criarem um negócio de vida, do sonho delas, era o medo de aparecer para a câmera. Era o medo de aparecer no vídeo. 87% das pessoas! Por isso que acredito que você que está lendo isso seja uma dessas pessoas. Você tem medo de aparecer no vídeo.

E isso me dá uma aflição muito grande porque eu imagino a quantidade de pessoas que hoje poderiam estar aqui, divulgando um conteúdo maravilhoso, no YouTube, que tem tanto lixo. No YouTube, no Instagram, em todo lugar, tem muito lixo, né?

E ao mesmo tempo, existem milhões, não são milhares não, são milhões de pessoas que poderiam estar aqui também, fazendo a mesma coisa que eu estou fazendo, falando para o seu público e compartilhando aquilo que ela tem de melhor, que é o seu trabalho, a sua paixão, seu amor por um assunto, as suas experiências, aquilo que você já fez na sua vida. Quantas pessoas que estão aqui agora lendo esse texto? E uma dessas pessoas pode ser você.

Você está lendo isso agora e você tem medo da câmera, tem medo do vídeo e aí, eu quero que você imagine quantas pessoas poderiam ser ajudadas por você, mas não são ajudadas e talvez não serão ajudadas porque elas não te conhecem.

Enquanto você não tomar uma atitude, você vai continuar aí. E a minha aflição, sabe o que é? A gente sabe a quantidade de pilantra que tem. Não é só na internet, é na vida porque hoje na internet, online e offline está tudo junto. Não tem mais essa história. Aqui tem muito pilantra e você sabe disso.

Às vezes aparece aí na televisão, fulano e tal fez pilantragem, enganou as pessoas. Mas por que que essas pessoas enganando outras pessoas sendo pilantras, elas ganham dinheiro? E ganham mais do que você. Porque elas têm a coragem de aparecer no vídeo.

E por elas terem essa cara-de-pau de aparecer no vídeo, elas deitam e rolam em cima de você, que é uma pessoa boa, de boa índole, que quer ajudar as outras pessoas. Talvez você seja um profissional de uma empresa tradicional que tem aquele emprego tradicional e nunca teve oportunidade de ensinar.

Sendo que dentro de você tem um professor maravilhoso e você não sabe. E você vai morrer não sabendo porque você não resolveu enfrentar a bendita câmera. Não teve coragem. É muito triste isso.

Camera recording a video for a DIY blogger

Não sei se você está entendendo essa minha aflição. É muito triste porque imagina a quantidade de pessoas que hoje poderiam estar aqui e não estão porque tem medo de aparecer no vídeo.

Uma coisa que eu tenho que dizer a você é o seguinte: Não tem escapatória!

Da mesma forma que, antigamente, se exigia curso de datilografia, depois curso de Windows, curso de Office, curso de Internet, curso de Digitação, hoje, as empresas, mesmo que você não queira empreender, mesmo que você queira ser um empregado mesmo, não tem problema nenhum, mesmo assim, as pessoas, elas vão dar mais atenção, vão valorizar mais aquelas que falam para uma câmera.

Conversam com uma câmera. Não tem escapatória! Você está entendendo? Nós vivemos em um mundo hoje que a privacidade já foi para o beleléu. Não existe mais privacidade.

Hoje, o Diário Oficial do Estado dos Municípios estão todos na internet. Você coloca lá o CPF do cidadão, aparece tudo o que a pessoa já fez, os problemas que ela tem sua vida… Por mais que você diga assim: “Ah, mas eu não quero ter rede social e tal”. Não adianta. História de privacidade acabou.

Então, não tem o que fazer, você vai ter que enfrentar uma câmera. Quando eu vi a pesquisa lá, falei: “87% das pessoas que me seguem tem medo de aparecer no vídeo. Cara, que que eu posso fazer pra ajudar esse povo?”

Esse problema eu vi entre os meus seguidores agora na pesquisa, mas eu vejo também entre os meus alunos.

Eu tenho um projeto chamado SER NOTÁVEL MÉTODO SIRIUS. O Método SIRIUS é um método que faz você sai do zero ou sair de onde você está, digamos que você já esteja nas redes sociais, já tem aí 5 mil seguidores, 10 mil seguidores, eu faço você transformar esses 10 mil seguidores em clientes ou então você sair do zero, você não tem nenhum seguidor e passar a ter seus mil, 2 mil, 3 mil seguidores clientes. Que eu chamo de audiência alfa.

Seguidores que realmente estão com você, de coração, junto com você. Seguidores verdadeiros. Então, é claro que os alunos que entram no Método SIRIUS, entram também com esse problema.

Outro projeto meu, que é a Mentoria SOLARIS, que é a minha mentoria, quantos que já chegaram na minha mentoria e também tinham esse mesmo problema? E aí, o que eu fiz?

Eu tinha ali um aluno, um mentorando que tinha um problema de não conseguir aparecer no vídeo. E nós que estamos aqui na internet sabemos que nas redes sociais, o vídeo tem um poder muito grande. O poder do vídeo é fantástico.

Uma coisa é você tentar vender com texto. Dá para vender usando o texto? Dá. Você escreveu um texto de um post e lá fazer uma oferta? Dá, dá para vender.

Mas, vídeo, ele passa o essencial para qualquer tipo de venda. Credibilidade. Segurança. Não tem outra ferramenta melhor, a não ser o presencial, claro, o presencial sempre vai ser melhor.

Eu estando ao vivo com você, eu consigo vender muito mais rapidamente porque você vai ter mais confiança em mim, você está ali do meu lado, perto de mim. Então, facilmente você vai sentir confiança, vai ver em mim uma pessoa que entende do assunto e que você pode confiar. Então, presencial, ok. Isso aí não se discute.

Agora, eu, por exemplo, estou escrevendo isso para você ler. Eu não te conheço, infelizmente eu não consigo ver a sua cara. E mesmo que pudesse, seria impossível conseguir falar com cada um, com cada pessoa, olhando olho no olho. Impossível! Infelizmente não tem como.

Mas, no vídeo, eu consigo transmitir emoções, feições, coisas que eu não consigo fazer num texto, por exemplo. Então, a possibilidade de confiança e segurança que a pessoa vai ter em você quando você aparece no vídeo, é indiscutivelmente maior do que o texto.

Então, quando um mentorando chega até mim, ou o aluno do SER NOTÁVEL chega até mim falando: “Cara, eu tenho problema com câmera”, e aí, o que eu faço?

Nesse tempo todo que eu estou com esse projeto, isso desde o VIVER DE CURSO na verdade, lá em 2014, eu vim desenvolvendo um passo a passo, uma forma da pessoa sair de onde você está, que é na insegurança total de aparecer no vídeo até começar a produzir um vídeo.

Existem diversos estilos, formatos que se enquadram com cada personalidade. Ou seja, a ideia não é que você mude a sua personalidade a ponto de você ser um humorista não sendo um humorista.

Ou então você tendo que fazer um curso de teatro sendo que você não tem nada a ver com o teatro. Aí você faz aquele curso de teatro, vira um personagem, vem para a câmera e fica aquela coisa muito artificial, fica ruim pra caramba. E por que? Porque ali você está sendo um personagem. A ideia não é essa.

A ideia é você, a partir desses formatos de vídeo, escolher o melhor formato, de acordo com a sua forma de ser. Então, pode ser que você seja um cara doidão. Cara doidão já é mais fácil de aparecer para o vídeo. Normalmente o cara doidão, ele gosta de aparecer. Então, esse não tem muito problema.

Agora, digamos que você seja uma pessoa de poucas palavras. E aí, como é que você vai fazer? Você não se sente confortável quando vê o seu rosto, por exemplo, no vídeo. Ou então, você acha estranho escutar sua voz. Qual o tipo de formato é melhor para você? Então, existem esses formatos. O que eu fiz?

Eu cataloguei esses formatos e demonstrei na prática cada formato desse. Eu chamo de estratégias. Então, eu tenho Estratégia Sombra. Eu tenho Estratégia Talk Show. Enfim, tem um monte de estratégia lá.

Cada estratégia dessa é um formato diferente de vídeo, onde você pode com uma câmera, seja uma câmera de celular ou qualquer outra câmera. Você chega lá, usando seu celular, pode usar até o microfone do seu próprio celular. E o que eu fiz?

Eu fiz um calendário com um passo a passo, onde você em 7 dias vai conseguir sair do zero de onde você está para um nível onde você possa gravar o seu vídeo. Vai ficar bem gravado, bem visto, onde você possa entregar o seu conteúdo da melhor maneira e as pessoas vão gostar desse vídeo que você vai fazer, mesmo sendo seu primeiro vídeo.

É um calendário, um passo a passo e todo um conjunto de estratégias. Eu empacotei isso. Tirei lá do Método SIRIUS e da Mentoria SOLARIS e empacotei isso e agora estou oferecendo para você. 

Agora, fica aqui que tem uma surpresa para você. Um presente para você que está aqui e eu só vou falar nesse post. Não vou falar mais em nenhum outro post. Você chegou até aqui, então você merece.

O que eu fiz? Eu peguei as estratégias, empacotei, peguei, fiz um mapa que você pode imprimir e seguir aquilo à risca, como se fosse uma dieta. Você está lá tendo que emagrecer 5 kg. O que você vai fazer?

Então, nesse caso aqui, eu tenho uma semana para produzir um vídeo. O que eu vou fazer? Então, vem desde a estratégia da criação do conteúdo até a gravação disso.

Nesse pacote, eu coloco a câmera que você pode ter. O básico, o que você precisa para você criar um vídeo como os que gravo no meu canal. O microfone, desde o microfone mais simples, que é o microfone de celular, de smartphone até um microfone avançado. E eu faço tudo na prática.

Ou seja, eu mostro a estratégia. “Olha, eu vou fazer isso aqui.” Então, por exemplo, tem uma estratégia onde envolve mais de uma pessoa. Eu chamo a outra pessoa e nós fazemos tudo ao vivo, gravando tudo, como se fosse um reality show e a ideia é que você escolha a estratégia ou então você teste todas elas, se você quiser. E colocar em prática em 7 dias. Sabe o que vai acontecer?

Em 7 dias, você vai ter o seu canal no YouTube, porque esse é o grande obstáculo, as pessoas elas tendem a ir lá no Stories. “Ah, vou fazer Stories no Instagram”. Por que?

Porque é fácil. Eu só tacar o dedo no botão de GRAVAR e fica lá. Legal, dá um engajamento com a galera que já está te seguindo. Mas para acharem você a partir de um Stories, não tem nem comparação em relação ao YouTube, porque o YouTube é uma busca como Google.

Então, quando você, por exemplo, quer aprender a fazer uma salada de alface, você vai no YouTube, chega lá e digita “Como fazer uma salada de alface”. É assim que funciona. Por isso que a forma de você ser achado no YouTube é muito mais fácil do que qualquer outra rede social. Muito mais fácil.

Por mais que você não tenha tantos views, como por exemplo, você poderia ter num Instagram dando essa falsa impressão de que você tem mais presença, quando na verdade, aquelas pessoas são pessoas que já te conhecem.

Agora você trazer gente nova é complicado. Pode ser que você, sem me conhecer, tenha chegado em um vídeo meu, ou pelos Recomendados ou pela busca que você encontrou. Então, você pode fazer isso também. Por isso que o YouTube é tão poderoso.

Agora, o grande empecilho do YouTube para a pessoa não gosta de aparecer para câmera, ela tem que gravar um vídeo e publicar aquilo ali. Então como é que faz isso?

Eu criei esse pacote com essas estratégias, a parte de técnicas também, mas principalmente a parte de gravação onde você vai perder o medo. Em uma semana você vai botar esse negócio para funcionar. Você vai ter um canal, você vai ter os seus primeiros vídeos e você vai ser NOTÁVEL. Agora que vem a brincadeira.

Se você clicar nesse link que está aqui, esse link é um link especial. Você vai poder se inscrever com um desconto surreal. Você que acompanha os meus cursos, você sabe qual é o valor dos meus cursos. E são merecedores, né? Na verdade, eu boto o valor que deveria ser dez vezes mais, porque essa é a ideia.

Você vai, compra e fala: “Caraca, isso aqui deveria valer 10 vezes mais”. Mas só que os meus já são de um ticket mais alto. Agora, nesse pacote, eu vou fazer um desconto surreal. Para você não empurrar isso com a barriga, porque eu sei que você empurra essa brincadeira com a barriga há muito tempo.

O nome do curso: VÍDEO ENERGIA! “Por que VÍDEO ENERGIA, Bruno?” Você vai fazer o seguinte agora: Você vai tacar o dedo no link. Vai entrar lá e aí você vai descobrir porque que é VÍDEO ENERGIA. O que tem lá que eu estou oferecendo para você? Esse é o link especial, que tem um descontão e você vai descobrir o desconto quando clicar. E aí eu vou continuar esse papo lá na página.

Se você quer ter conteúdo de qualidade, como os vídeos que eu venho produzindo, então entra no meu canal e se inscreve lá, caso não tenha se inscrito.

Mas o que eu quero mesmo é que você taque o dedo no link aqui porque o desconto é surreal e só neste post tem este link. Porque você merece. Você chegou até aqui no final e você merece SER NOTÁVEL. O Brasil precisa te conhecer.

Existem milhões de pessoas que querem te conhecer, que precisam do seu conhecimento, da sua visão de vida que só você tem. E para isso, você precisa expor a sua história. Então, se você quer expor a sua história, se você quer SER NOTÁVEL, taca o dedo no link e conheça o VÍDEO ENERGIA. E aproveita que o desconto tá maravilhoso.

Tô esperando você lá no VÍDEO ENERGIA. Até mais!

“Assista o Vídeo Completo no Youtube”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Fechar Menu